Curso: Pericia em Penhora de Faturamento- Realizado com sucesso! Gratidão a todos participantes!

 

Inscrição: 

https://www.sympla.com.br/curso-pericia-em-penhora-de-faturamento-administracao-de-bens-e-intervencao-judicial__1160776

Conteúdo Programático:

CONTEÚDO:

Módulo 1: Normas Processuais PARTE 1: Legislação CPC.
1.1 – Objetivo do curso;
1.2 – Fundamentação legal, prevista nos artigos do CPC que balizam a Administração Judicial;
1.3 – Previsão legal da atividade do Administrador;
1.4 – Formação para a atuação como Administrador e conhecimentos técnicos necessários;
1.5 – Tipos de Administrador em função do objeto da perícia;
1.6 – Objeto da nomeação de Administrador;
1.7 – Identificação e Análise do Despacho da Nomeação;
1.8 – Nomeação ou indicação do profissional;
1.9 – Aceite, Compromisso, Posse, Diligências;

Módulo 2: Normas Processuais PARTE 2: Legislação CPC.
2.1 – Fundamentação legal CPC (continuação) prevista nos artigos que balizam a Administração Judicial;
2.2 – Procedimentos Operacionais para dimensionamento e execução dos trabalhos objeto da nomeação:
2.3 – Estudo dos autos e fatos para planejamento da operacionalização do trabalho;
2.4 – Planejamento do Trabalho Operacional;
2.5 – Petição de honorários;
2.6 – Identificação de documentos necessários e requerimento em diligências;
2.7 – Petições, Autorizações Judiciais para execução do trabalho;
2.8 – Diligências de execução da penhora, da gestão de administração e intervenção;
2.9 – Termos de Diligências e requerimento de documentos;
2.10 – Exame, estudo e análise dos documentos coletados e/ou juntados;

Módulo 3 e 4: Práticas Operacionais e Documental aplicadas à execução da penhora de faturamento, administração e intervenção para atender a Legislação CPC
3.1 – Construção do Plano de Administração e Forma de Atuação;
3.2 – Cálculo da capacidade econômica e financeira de pagamento do Requerido fundamentado nos documentos, fatos, informações levantadas;
3.3 – Execução operacional dos trabalhos de Penhora, Administração e Intervenção;
3.4 – Abertura Conta Judicial para deposito dos valores arrecadados;
3.5 – Emissão de Guias e Depósitos dos valores penhorados;
3.6 – Prestação de Contas ao Juízo juntando aos autos os termos determinados;
3.7 – Recebimento dos Honorários;
3.8 – Apresentação de casos;